terça-feira, 18 de abril de 2017

Chega de desmaios por Justin Trudeau. O cara é um desastre para o planeta. (Artigo de Bill McKibben no Guardian)

Falar de mudanças climáticas e declarar amor aos combustíveis
fósseis? Que feio, Sr. Trudeau!
Em artigo publicado no periódico britânico "The Guardian", o ambientalista Bill McKibben desmonta uma das farsas mais abjetas da América do Norte. Você errou se pensou nos EUA e em Trump, que é um vilão explícito (misógino, racista, xenófobo, arrogante, um crápula óbvio) e, portanto, nesse sentido não pode ser considerado uma fraude. Afinal, seus ataques contra os imigrantes, o ambiente, as mulheres, os pobres, são todos coerentes com sua fala. O artigo é sobre Trudeau, o "bom rapaz" da fronteira de cima, com todo o discurso correto, que vai do debate de gênero à preocupação com a mudança climática. Obrigatório, o artigo de McKibben mostra a realidade suja por trás da aparência do primeiro-ministro do Canadá.

segunda-feira, 17 de abril de 2017

Greenwashing: o Ogro Filantropo


Segundo a Wikipédia: "Greenwashing (do Inglês green, verde, a cor do movimento ambientalista, e washing, lavagem, no sentido de modificação que visa ocultar ou dissimular algo), em português, lavagem verde; é um anglicismo que indica a injustificada apropriação de virtudes ambientalistas por parte de organizações (empresas, governos, etc.) ou pessoas, mediante o uso de técnicas de marketing e relações públicas. Tal prática tem como objetivo criar uma imagem positiva, diante a opinião pública, acerca do grau de responsabilidade ambiental dessas organizações ou pessoas (bem como de suas atividades e seus produtos), ocultando ou desviando a atenção de impactos ambientais negativos por elas gerados". 

De onde saiu tanto negacionismo?

Nas últimas duas semanas pensei várias vezes na frase “quanto mais rezo, mais assombração me aparece”. Daí lembrei que, como bom ateu, n...

Mais populares este mês